quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Mães de Anjos...


Ontem assistindo o programa direção espiritual do Pe. Fábio de Melo ouvi um testemunho que me chamou a atenção e  foi uma lição de fé pra mim,senti que Deus falou comigo,pois nestes 4 meses sem minha filha estou muito perdida,sem rumo,sem direção e questionando muito o porque de tudo isso.

O Padre recebeu uma carta que era um testemunho de uma mãe que contou que tinha dificuldade de engravidar e que entregou nas mãos de Deus este sonho de ser mãe e que em suas orações pedia a Deus que se fosse da sua vontade ele realizasse este sonho mas que ela não queria sofrer um aborto mas que chegasse com sua gestação até o fim,pois Deus realizou este sonho,pelo que conta a carta e pelo modo de falar ela é de uma família temente a Deus,ela fez uma promessa que quando sua filha crescesse um pouco as duas iriam enterrar o umbigo da filha na canção nova aos pés de Jesus,falou na carta que ela e o marido tiraram férias agora em janeiro de 2012 e foram pra lá,ela o marido e a filha de 1 ano e 10 meses,ela conta que lá nos pés do Senhor as duas enterraram o umbigo conforme prometido e ela entregou  a filha a Jesus dizendo “ela não me pertence mas pertence ao Senhor” e agradeceu a benção de ser mãe,só não imaginava que no dia que prometeu enterrar o umbigo da filha teria que enterrar a própria filha,pois na volta da canção nova eles sofreram um acidente gravíssimo onde a filha de 1 ano e 10 meses veio a falecer,seu marido esta internado ainda,pelo oq falou na carta teve problemas na medula,ela apesar de estar dirigindo não sofreu nenhum mal que afetasse sua saúde.Ela mesmo conta que mora em uma cidade pequena e que todos lá acreditavam que ela não fosse agüentar tamanho sofrimento,mas como ela mesmo disse,”não vou dizer que não dói,que não estou sofrendo,mas ao invés de ficar questionando a Deus o porque,eu agradeço por ter realizado meu sonho e ter me dado a chance de ser mãe de um anjo”

Ela sabe que seu sofrimento ainda não acabou, pois seu marido esta no hospital sem previsão de alta, ela continua seguindo em frente e colocando nas mãe de Jesus, pois sabe que todas a manhas que sai pra visitar seu marido Deus esta renovando suas forças.

Tentei resumir aqui o testemunho, mas quem assistiu a direção espiritual ontem 15/02/2012 também ouviu, quando conseguir o vídeo do testemunho de ontem eu coloco aqui.

Deus tocou no meu coração colocar este testemunho aqui, ele mexeu muito comigo,nestes 4 meses sem minha filha não deixo de questionar um segundo o porque de tudo ter acontecido,fico tentando achar uma resposta mesmo sabendo que não encontrarei,porque eu sei que Deus quando nos coloca no mundo sabe quando será nosso ultimo dia,não vou mentir dizendo que a partir de agora vou ser diferente vou para de pensar no que aconteceu,parar de sofrer,porque estarei mentindo,mas vou agradecer a Deus por este tempo que me proporcionou a ser mãe de um anjo,Deus não poderia ter escolhido filha melhor,a Maria Fernanda foi tudo que sempre sonhei,sei que se for da vontade de Deus terei mais filhos,mas ela sempre será a minha primeira filha e nunca deixarei de ama La e de pensar nela.

As vezes as pessoas podem até pensar que já superei,pois estou trabalhando e voltei a uma rotina semelhante a que tinha antes,mas não,nunca deixei de pensar em minha filha um só segundo da minha vida,posso estar fazendo oque for mas meu pensamento esta sempre nela.Penso nela desde do minuto que descobri que estava grávida e vou pensar eternamente.

Sei que como eu, como esta mãe que deu o testemunho tem milhares de outras mães vivendo pela metade,não vou falar que temos que esquecer oque aconteceu e seguir enfrente,ser como éramos antes,pois se é impossível pra mim é impossível pra todas as outras mães também,mas eu pelo menos quero tentar viver da melhor maneira possível,pois sei que não posso tocar,beijar,abraçar minha pequena mas sinto ela e sei que ela esta comigo.Pois ela nunca deixara de ser minha filha e eu nunca deixarei de ser mãe.

Te amo Filha.....minha Mariinha

7 comentários:

  1. Programa Direção Espiritual de ontem, emocionante... Obrigada pelo post. Bj

    ResponderExcluir
  2. Valéria, que Deus te guarde! Obrigada pela visita :), Maria, mãe de Jesus visi***¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
    tou Izabel (mães de santos)...você não foi ao blog de Rubinho por acaso, Deus envia seu povo aos lugares mais distantes para apresentar uns aos outros os seus eleitos, e que estes permaneçam firmes, juntos, porque a graça está a caminho.
    Maria Fernanda, pequeno anjo, eu te amo! Que Deus cuide de nossos anjos e de nós, que amenize nossas dores para cumprir com dignidade nossa missão! Mas confesso que o que escrevo é resultado de muito esforço, pois a dor que sinto...não tenho palavras. Estou aguardando uma resposta de Deus! Paz para vocês!

    ResponderExcluir
  3. Valéria, assim como você também perdi minha filha com 4 anos de idade, já faz alguns anos e a saudade é grande. Te entendo perfeitamente, essa dor é muito dura. Eu já tive esses momentos como o seu, já tive depressão, mas não deixo de acreditar em Deus e ter fé, e vamos seguindo...desejo que Jesus conforte seu coração, que te dê força. Sua filha é um anjo de Deus! Que DEus a abençoe sempre! Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  4. Querida Valéria!
    A nossa dor, a dor dos pais que perdem um filho, é sem dúvida um sofrimento inigualável. Nossos anjinhos estão juntos lá no céu e nós não sei como precisamos sobreviver para ensinar algo a alguém sobre a vida, sobre o amor mais puro, o amor dos pais para com seus filhos. O mais difícil é enfrentar a realidade que vemos na TV, na cidade onde moramos, onde crianças sofrem crueldades pelos próprios pais. A minha vida por exemplo foi modificada pelo meu filho, e sei que ele veio pra me mostrar o outro lado das coisas, buscar algo novo, e foi o que aconteceu. Desejo muita força querida, estamos juntas nessa luta em relação a saudade.
    Beijos
    Que Deus te ilumine

    ResponderExcluir
  5. Valéria que Deus te abençõe com muita paz no seu coraçaõ.Eu devolvi minha maezinha para Deus a quase 2 meses e sinto uma dor ,um vazio e uma saudade sem fim mas eu sei que pela lógica os pais teriam que ir para Deus antes dos filhos pois estavam mais velhinhos, muitos acamados em sofrimento por isso entendemos.
    Saiba que o nosso Deus sempre quer o nosso bem, a hora dele não é a nossa, pode ter certeza que Nossa Senhora e Deus está cuidando da tua filhinha para que ela não sofra por isso esta no paraíso.Continue acreditando que Deus é bom e el te ama.

    ResponderExcluir
  6. amiga nossa dor é quase insuportável, eu sei tudo o que você sente e fala, convido-a a visitar o blog que fiz em homenagem ao meu amado filho que partiu aos 21 anos deidade, chama-se http://napiordasperdas.blogspot.com.br
    esperarei voc~e por lá tambem minha querida e quero que me adicione nas páginas da web, meu nome é Adriana Cavalheiro, no facebook tenho uma fanpage em homenagem ao meu filho cujo nome é Michel amigo beija flor, beijos e força querida

    ResponderExcluir
  7. eu tabem perdi um esta comdeus lena

    ResponderExcluir